...

...

terça-feira, 12 de setembro de 2006

Marco

Ligas a noite e tiras-me o sono
Fico acordada, em plumas para te ver
Acendo a minha paixão, mesmo quando a Lua chega
Quero tocar-te, quando anoiteces
Quero que estejas ao meu lado, quando eu...




Porque amanheço sem te ver
Porque me fazes brilhar... e tanto que te quero abraçar
Sou louca por te querer ao nascer de um dia
Sou louca por querer ver-te ao findar do mesmo
Porque amanhece em mim, tanto querer-te


O calor que trazes na tua boca, nas palavras que me diriges
Quero saber-te a lima, na acidez de te despertar
Junto de mim...
O vento que trazes no teu peito, o silêncio dos teus passos
Sussurros de que és feito, a inúmeras vozes na noite
Amor, segredo-te, o que és para mim...




Encanta-me quando adormeces o mundo
Nas tuas mãos, a magia dos sons que desvendas
Ao relento, na leve brisa, refrescas cada parte de mim
Aguardo-te, no mesmo sonho que partilhamos
Em ti, o teu saber de tantas noites




Seremos sempre, o nascer e o findar
No dia que nos une, na noite que nos cola
Olha para mim, nos teus únicos olhos de ver
Meu manto de estrelas, acolhe-me no teu coração
Porque és...


imagem: Marco Neves

4 comentários:

Anónimo disse...

quando o amor é recíproco: ele passa a ser ela, ela passa a ser ele; mas ele continua a ser um homem e ela uma mulher só que... dieferentes*

A.

=)*

Boganga disse...

Porque és...tudo em mim,Marco!

Morgaine disse...

Depois eu é que surpreendo.. porque és...???!
aiii
:))

Anónimo disse...

Porque fomos
Porque somos
Porque seremos

Porque só nós dois sabemos.