...

...

quinta-feira, 22 de julho de 2010

sombra

És um coração que à boca não me tomas
nem à desmedida lábia de me sangrar entre dedos
faz-me assim, de uma vez somente
que de tantas vezes, só uma me resta

Repele. Repete. Respira-me esta ausente medida
pele. Na pele. Pede a pele na tua
miocárdio este, o magnânimo insolente
de um estrupício sentimento

És um coração à tona do que me fazes esquecer
entre emaranhados, mangais secos, olhos enxutos
draga sem fome, desenhado me está o semblante
trago a lodo, e de todo, este perfume de noite

Responde. Afirma. Comete o crime de me viver
coração de sombras, cansado de sentir
não me fossem as palavras morrerem-me assim
dir-te-ia querer-te na coragem de me trespassar

São cinco fráguas, os sentidos que não sinto
e nada mais me surpreende senão este escuro
de novo, coração à boca, sua majestade esquecida
sem intenção, porque o querer, em si nada encerra

És inútil, viciado escabroso, nem te fazes melhor que eu
não me falas para além das falhas, ou destas mágoas apartas
nem dizes na aspereza, possuir-me na falta de te querer manso
de um dia já não te saber sentir, e tu, sentir me fazes.

10 comentários:

Margarida disse...

Queria palavras para poder comentar... Mas, de facto, os teus textos, deixam-me sem palavras...
Fantástico...:)

MissBlueBuble disse...

Muito obrigada!

Já andei a cuscar o fotolog =P

Vera, a Loira disse...

Adorei.

"Comete o crime de me viver"

Profundo

Luiza Maciel Nogueira disse...

:), intenso!

beijos.

Estranha pessoa esta disse...

A tabuleta já tu colocaste.
Já é meio caminho purgado.
Meio não.
Quase todo.

Joana ' disse...

De bordados vamos ainda pior... Porque se as minhas panquecas saem partidas, os bordados dele nem sequer começam. Acho que, só por isso, já estou em vantagem. :)

Dark angel disse...

....r.
Porque há sempre algo que falta.

Se é que me percebes.
Bjo*

Leca disse...

Marco...
flutuei pela sua...
lâmpada...
mágica...
aqui encontrei...
belas palavras...
belas músicas...
beijos
Leca...
Estou te seguindo...

retiro o que disse... disse...

http://www.youtube.com/watch?v=RSltbtS8h6o&playnext=1&videos=Qb7MAuWTri0


:)

Estranha pessoa esta disse...

Os 'quereres' nunca são mansos.
Foda-se.